domingo, 19 de dezembro de 2010

Em construção..

Sim caros leitores do blog, estranharam o blog não estar com suas cores habituais? o layout original? Pois é!!! mudanças!!. Estamos melhorando o blog para deixar ele mais fácil e acessível para todos. Nova logo, novo visual. Vamos entrar 2011 com reformas e para um visual diferente. Vamos continuar as atualizações so que bem menos que estamos acostumados, devido tanto ao período de ferias.

Peço desculpas a todos pelo menor numero de postagens durante o ano. Alguns obstáculos com a equipe afetaram um pouco. Mas agradecemos de coração a memorável cobertura que tivemos das 24 horas de Le Mans, da Arrancada brasileira e outras categorias que todos acompanharam.

Agradeço a todos os colaboradores que puderam dividir seus conteúdos com este pequenos espaço da velocidade.

Se tiverem sugestões para o layout fiquem a vontade os endereços de correspondência estão ali ao lado, mande e analisaremos com calma. Vamos mostrando com calma as novidades , aguardem...

Um Feliz Natal e um prospero Ano Novo.

Boas festas.

Equipe Burnout Racing.
Anderson Puiatti
Editor, Reporter e Fotografo.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

WTCC e WRC melhores momentos

Videos demais!!!

WTCC 2010


WRC

Mclaren MP4-12CGT3 agora é oficial

Depois de muitas especulações e até fãs mostrando o carro , eis que surge a foto e um site para o bolido de competição.http://mclarengt.com/ . O MP4-12C GT3 será fornecidos para equipes particulares a partir de 2012.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

F1: Video da FIA sobre a temporada.

Confesso que não me agrada muito a F1, mas o video de encerramento, como diria uma amigo blogueiro; "é animal!" tirei o chapeu.

domingo, 12 de dezembro de 2010

12 horas de Tarumã - Classificação final da prova.

Uma prova de tirar o fôlego do início ao fim. A 12 Horas de Tarumã começou em um ritmo alucinante com a largada ao meio dia deste sábado (11). Até os últimos momentos a vitória não tinha dono já que o protótipo Tubarão era ameaçado pelo MCR 99. A equipe de Campo Bom pôde comemorar a vitória depois de muito sacrifício quando o Tubarão cruzou a linha de chegada a meia noite.

- A gente tinha ganhado só em 92 e para mim é a 12ª prova de 12 Horas e eu vinha sempre batendo na trave. Queremos só agradecer aos nossos patrocinadores e a equipe que foi perfeita - vibrou Tiel de Andrade.

O time foi formado por Tiel de Andrade, Bruno Justo e Eduardo Ventre que tiveram ao longo da corrida na liderança por alguns momentos, mas a consagração veio mesmo apenas na meia hora final.

- Não tenho palavras. Foi minha segunda 12 Horas e eu já ganhei, só posso dizer muito obrigado a toda família Andrade - disse Bruno Justo.

Completou o trio vencedor, Eduardo Ventre, que estava há quatro anos sem participar de provas longas e vibrou com o 1º lugar.

- A gente teve altos e baixos, mas deu tudo certo - afirmou.

A equipe MC Competições comemorou em dobro quando o Volvo C30 de Carlinhos de Andrade, Ricardo Landi e Fernando Justo cruzou em 1º lugar na categoria turismo. Foi uma dobradinha inesquecível para Carlinhos.

- Vocês sempre acompanharam nossa equipe que se dedica muito. É uma equipe profissional, mas com coração porque todo mundo se doou e a gente recebeu um carinho grande dessa massa. Nunca vi tanta vibração no final de uma 12 Horas porque ela foi diferente - disse emocionado.

A segunda posição ficou com o experiente time do MCR 99 de Paulo Hoerlle, Alexandre Hoerlle e Matheus Castro. Depois de 12 horas de competição, a diferença para o vencedor foi de pouco mais de um minuto com o MCR cruzando a linha de chegada na mesma volta do vencedor.

- Numa prova como essa conseguir um pódio já é uma vitória porque é muito difícil tanto para o carro como para os pilotos. A performance foi excelente e se não fosse uma quebra do semi-eixo estaríamos no lugar mais alto do pódio, mas está bom porque tudo correspondeu e nos deixa muito feliz - disse Paulo Hoerlle.

Logo na arrancada das 12 Horas de Tarumã o domínio foi do Lamborghini 8. Mas a supremacia durou apenas 40 voltas. Depois quem assumiu o comando da prova foi o MRX 46 do quinteto João Sant’anna, Vitor Genz, Carlos Kray, Christian Castro e Fernando Poeta. O veloz protótipo abandonou, no entanto, com um problema eletrônico. Apesar disso o MRX cravou a volta mais rápida da prova com o impressionante tempo de 1min 03s 241.

Nas primeiras 3 horas de prova, a liderança foi se alternando. Na 4ª e 5ª hora quem tomou a dianteira foi o protótipo 7, Spyder de Fernando Stédile, Edemar Stédile e Claudio Ricci. O carro, porém abandonou a corrida com problemas mecânicos. A partir daí o domínio foi do Tubarão 5 de Tiel de Andrade, Bruno Justo e Eduardo Ventre. Um problema na tração, porém, fez o time perder tempo numa das paradas de box deixando escapar a dianteira para o MRX 10.

O grande momento da corrida aconteceu com aproximadamente 11h e 30 minutos de prova. O MRX 10, favorito a vitória, ficou parado na Curva do Laço e imediatamente começou a festa da equipe do Tubarão, até então, segundo colocado.

- Vinha trazendo o carro na ponta dos dedos, mas quebrou a caixa de câmbio. Toda equipe trabalhou muito, mas acontecem essas coisas- lamentou João Cardoso Junior do MRX 10.

Antes da largada, houve momentos de emoção na reta de Tarumã. A carreteira de Aristides Bertuol, homenageado da noite, foi colocada ao lado do moderno protótipo que a equipe usa esse ano na prova. É a tradição que passa de pai para filho e para netos.

- São 52 anos de diferença e uma homenagem bonita para o pai que emocionou muito a família - disse o filho Paulo Bertuol.

As lembranças e a diferença dos tempos atuais encantam gerações.

- Era inacreditável o que eles faziam. Meu avô faz parte de um grupo de heróis do automobilismo. Eles andavam num carro com motor Corvette sem freios, sem câmbio, sem banco apropriado nem cinto e capacete. Tudo por amor ao esporte - afirmou o neto, Felipe Bertuol.

- O coração ficou apertado. A gente é muito bem recebido sempre que falamos no nome do meu avô. Ë uma honra estar aqui hoje completou Aristides Bertuol neto.

O carro que a equipe usou nas 12 Horas de Tarumã recebeu novamente a cor azul para resgatar a tradição de Aristides Bertuol. Além disso, o número 4 usado nas provas também permanece.

Foi uma experiência nova para todo mundo. O equilíbrio foi muito grande com todos carros andando no mesmo ritmo. A diferença sempre era quantidade de combustível - disse o piloto do Spyder 7, Fernando Stédile.

Enquanto alguns carros contaram com experientes pilotos, a prova serve também para revelar grandes jovens talentos como o piloto Juliano Moro, do MRX 10 que lutou até o fim apesar do abandono.

- A gente é muito amigo de todo pessoal. Ter a chance de correr com pessoas que conhecemos há muito tempo é muito legal. É uma festa para o automobilismo gaúcho - concluiu.

Resultado Final - Corrida - 12 Horas Tarumã 2010

1º) 5 - G.Andrade/B.Justo/E.Dieter (I, Tubarão), 527 voltas em 12:00:47.704 (média de 132,30 km/h)
2º) 99 - P.Hoerlle/M.Castro/A.Hoerlle/C.Castro (I , MCR), a 1:19.476
3º) 10 - Ventura/Almeida/Cardoso/Moro/Toledo (I , MRX), a 35 voltas
4º) 15 - J.Andrade/R.Landi/F.Justo (IV , Volvo C30), a 44 voltas
5º) 22 - R.Biansini/L.Halmenschager/H.Hoss (IV , Gol), a 69 voltas
6º) 54 - P.Avila/D.Bottaro/C.Belleza (IV , Corsa), a 78 voltas
7º) 77 - A.Lima/P.Pretto/H.Kohl (IV , Gol), a 94 voltas
8º) 4 - F.Bertuol/P.Bertuol/A.Bertuol/D.Marini (II 16 , MXR 4), a 101 voltas
9º) 50 - V.Costa/G.Tortelli/C.Vieira/R.Boessio (II 8 , Aldee), a 117 voltas
10º) 53 - R.Tardivo/M.Martins/F.Baretta (IV , Gol), a 147 voltas
11º) 177 - D.Martins/M.Bernardi (IV , Gol), a 148 voltas
12º) 51 - Telmo J/E.Postal/I.Eberle/T.Peretti (II 8 , Aldee RTT), a 224 voltas
13º) 89 - R.Stumpf/M.Stumpf/J.Frigeri (II 8 , ), a 227 voltas
14º) 7 - E.Stedile/C.Ricci/F.Stedile (II 16 , Spyder), a 242 voltas
15º) 31 - J.Fontes/P.Fontes/M.Ritter (IV , Fusca), a 252 voltas
16º) 33 - L.Crestani/F.Mello (I , Tornado), a 267 voltas
17º) 11 - A.Diehl/R.Trettin/I.Diehl (IV , Gol), a 311 voltas
18º) 78 - J.Bastos/C.Britto/E.Serdeira (III , Uno), a 317 voltas
19º) 3 - D.Dornelles/M.Dornelles (IV , Voyage), a 360 voltas
20º) 21 - L.Cardoso/J.Cardoso/J.Laenio Jr (IV , Gol), a 362 voltas
21º) 88 - J.Terres/R.Terres/N.Amaral (IV , Gol), a 444 voltas
22º) 46 - SantAnna/Genz/Kray/Poeta (I , MCR), a 457 voltas
23º) 8 - F.Poeta/C.Ricci (III , Lamborgini), a 485 voltas
24º) 56 - Rotta/Messa/Cardoso/Zen (II 8 , Aldee), a 487 voltas
25º) 18 - R.Kreuz/J.Kreuz/J.Batista/R.Kreuz (I , MCR), a 513 voltas

Melhor Volta: SantAnna/Genz/Kray/Poeta, 1:03.241 (171,68 km/h)

Audi R18: Detalhes

A Audi almeja continuar com vitórias nas 24 Horas de Le Mans com um projeto totalmente novo de sport-protótipo LMP1. Desde a sua estreia em 1999 a marca dos quatro anéis venceu por nove vezes a mais importantes das corridas de endurance com os R8, R10 TDi e R15 TDi, igualando a Ferrari no Quadro de Honra da clássica francesa. Com o novo R18, que foi apresentado no Audi Sportpark, em Ingolstadt, sendo assim a Audi espera obter o sua décima vitória em 2011.

Pela primeira vez desde 1999 a Audi irá de novo competir com um protótipo fechado: "No futuro, a eficiência aerodinâmica será ainda mais importante em Le Mans do que o foi no passado," afirmou o Diretor da Audi Motorsport Dr. Wolfgang Ullrich. "Um protótipo fechado tem claras vantagens nesse respeito. As nossa simulações computorizadas foram confirmadas no túnel de vento e durante os primeiros testes em pista."

Motores significativamente mais pequenos do que os usados até hoje são os eleitos para Le Mans em 2011, pelo fato de pretenderem atingir uma redução substancial de potência. Ao optar por uma unidade de 3.6 litros V6 TDi, a Audi mantem o conceito diesel que viu a sua primeira vitória em 2006. "Do nosso ponto de vista, o TDi continua a ser a tecnologia mais eficiente," afirmou Ulrich Baretzky, Diretor de Desenvolvimento de Motores da Audi Sport. "Há boas razões pelas quais a quota de unidades TDi nos modelos de produção da Audi é tão alta como o é."


O inovador motor V6 TDi desenvolvido para as 24 Horas de Le Mans confirma assim, uma vez mais, que o automobilismo é um campo de trabalho pioneiro para o ramo de produção da Audi, onde também se caminha em direção a motores mais pequenos e mais económicos mas, no entanto, sempre potentes. Outro dos novos desenvolvimentos é a transmissão de 6 velocidades do R18, que foi especialmente modificada para ser usada com motores pequenos.
A respeito do chassis, a Audi Sport pretende estar à altura da sua promessa, expressa no lema da marca "Vorsprung durch Technik”. Ao contrário dos protótipos LMP fechados existentes, a monocoque do R18 não consiste em duas metades mas sim um único componente - poupa-se assim no peso, mas aumenta-se a rigidez.

Para o desenvolvimento do R18 coupe, os engenheiros da Audi Sport foram capazes de retirar experiências adquiridas em 1999 com o R8C e em 2003 como o LMP1 da "marca irmã" corporativa, a Bentley, que foi vitoriosa em Le Mans. "Também o Audi A4 DTM - que, a título de exemplo, possuiu um para brisas aquecido - permitiu-nos abreviar o ciclo de desenvolvimento a respeito da ventilação no 'cockpit', das portas e do aquecimento do pára-brisas." explica o Diretor de Engenharia da Audi Sport, Dr. Martin Mühlmeier. O chassis e o pacote aerodinâmico contêm muito do know-how do R8, R10 TDi e R15 TDi, tal como a colocação de pneus da mesma dimensão à frente e atrás no novo sport-protótipo da Audi. Esta configuração proporciona uma distribuição de peso mais equilibrada.

Os faróis do Audi R18, que são os primeiros a ser constituídos integralmente por LEDs com quantidade de luminosidade optimizada, são faróis técnicos. A nova geração de faróis foi desenvolvida numa estreita parceria entre a Audi Sport e a Divisão de Desenvolvimentos Técnicos da Audi AG, constituindo a sua utilização em Le Mans uma preparação para a sua utilização em veículos de produção. Os designers de luzes da Audi terão a hipótese de deixar assim a sua marca no desenvolvimento: os LEDs irão desenhar, durante o dia, a forma de um "1" com a intenção de inspirar associações com o logótipo histórico da marca.

O R18 foi ainda desenhado para uma "eletrificação" progressiva, que a Audi Sport pretende levar a cabo passo a passo: "Mas a eficiência será sempre um factor crucial para nós," afirma Dr. Wolfgang Ullrich. "Independentemente do tipo de recuperação de energia que venhamos a escolher, o aspecto chave para a Audi — no automobilismo assim como na sua vertente de produção — é que esta providencie uma vantagem real."

O desenvolvimento do novo Audi R18 começou em meados de 2009. O V6 TDi tem estado nos dinamómetros desde o verão de 2010. Com Allan McNish ao volante, o novo protótipo completou o seu primeiro teste em pista no final de Novembro, estando a sua estreia competitiva planeada para as 6 Horas de Spa-Francorchamps (Bélgica), marcadas para 8 de Maio do próximo ano. Antes desse evento, o R18 terá a oportunidade de fazer as primeiras voltas no circuito de Le Mans durante o teste oficial de 24 de Abril a fim de recolher dados importantes antes da corrida dos dias 11 e 12 de Junho.

A Audi planeia levar três Audi R18 TDi a Le Mans, inscritos pela Audi Sport Team Joest, a mais bem sucedida equipa em Le Mans de sempre. Para além disso, a Audi Sport Team Joest irá ainda disputar a Intercontinental Le Mans Cup, que consiste num total de sete corridas de endurance em três continentes, com dois carros. Na corrida de abertura, em Sebring, a 19 de Março, a equipa irá usar dois Audi R15 TDi "plus plus". "Enviar o R18 para uma corrida tão cedo seria difícil em termos logísticos e iria interferir com o programa de desenvolvimento," explica Dr. Wolfgang Ullrich.

Fonte: Comunicado de Imprensa da Audi Motorsport

sábado, 11 de dezembro de 2010

12 horas de Tarumã - Classificação...


por Sérgio Carvalho

Estamos trazendo os resultado da classificação para as 12h de Tarumã que terá a largada ao meio-dia de hoje caros amigos do Burnout.

Qualify – 12 Horas de Tarumã




Pos.

No.

Pilotos

Carro

Tempo

Equipe

1

10

Pierre Ventura/ João Cardoso Jr./ Cristiano Almeida/ Juliano Moro/ Felipe Toledo

MXR

1:00.252

Markas/ AutoRacing

2

5

Tiel Andrade/ Bruno Justo/ Eduardo Ventre

MCR Tubarão

1:02.226

Noko Piel Color/ Kumho

3

4

Felipe Bertuol/ Paulo Bertuol/ Darci Marini

MXR

1:02.631

Meber

4

8

Fernando Poeta/ Cláudio Ricci

Lamborghini Gallardo

1:02.981


5

7

Edelmar Stédile/ Cláudio Ricci/ Franco Stédile

Spyder Opel

1:03.542

Pionner Sementes

6

99

Paulo Hoerlle/ Matheus Castro/ Alexandre Hoerlle

MCR Turbo

1:03.785

Hoerlle

7

18

Ricardo Kreuz/ João Kreuz/ Renato Kreuz/ João Batista Rodrigues

MXR

1:06.266

Auto Nova Petrópolis

8

33

Cali Crestani

Tornado

1:07.811

Gecel

9

15

Carlinhos Andrade/ Ricardo Landi/ Fernando Justo

Volvo

1:13.271

Noko Piel Color/ Kumho

10

3

Delcio Dorneles/ Marcelo Dorneles

Voyage

1:14.291


11

53

Rodney Tardivo/ Márcio Martins

Gol

1:17.881


12

22

Rafael Biancini/ Ike Halmscheleger/ Henrique Ross

Gol

1:17.957

Spengler/ Vila Vergueiro/ Belfactos/ PÓLO Motors

13

51

Telmo Jr./ Edson Postal/ Igor Eberli/ Itamar Peretti

Aldee RTT

1:18.697

Plena Emprend./ Opção FM/ Super Paludo

14

21

Luciano Cardoso/ Juliano Cardoso/ Laenio Jr.

Gol

1:19.202

COC Sistema de Ensino

15

54

Pedro Ávila/ Diogo Botaro/ Carlos Belezza

Corsa

1:20.397

Farmácias Associadas/ Eletroluz/ JS Autopeças

16

177

Daniel Elias/ Mário Bernardi

Gol

1:24.501

Pauline

17

78

Jairo Bastos/ Carlos Brito/ Edson Serdeira

Uno

ST

Rodoviário Nova Era/ Estatística Menco

18

11

Airton Diehl/ Isadora Diehl

Gol

ST

Escola Gaucha de Pilotos

19

31

Marcelo Ritter/ Paulo Fontes/ José Fontes

Fusca

ST

Copromat/ Bodipasa

20

46

João Santanna/ Vitor Genz/ Carlos Kray/ Christian Castro/ Fernando Poeta

MCR Turbo

ST

Latina/ Sul de Veículos

21

50

Vitor Costa/ Gustavo Tortelli/ Cleber Viera

Aldee RTT

ST

La Barca/ Kappesberg/ Posto Andino/ Posto Agronomia/ Moda Casa/ Norte Chapas/ Multisom/ Rest. Cacique/ Ponto Chique

22

77

Alexandre Lima/ Paulo Pretto/ Hardy Kohl Jr.

Gol

ST

Klein Tur/

23

88

Ricardo Terres/ Juarez Terres

Gol

ST

Acqua Tintas/ Via Terres

24

89

Renato Stumpf/ Matheus Stumpf/ Jager Frigeri

Spyer

ST


* Resultados extraídos do blog do Passatão

Live timing para a prova aqui...

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

R18: Fechado é mais bonito ainda







Mundial de GT1/GT3 Europa - Calendário 2011...


por Sérgio Carvalho

Foi liberado o calendário 2011 do Mundial de GT1 e GT3 Europa de 2011.

A etapa brazuca agora será no circuito de Curitiba, pois tiveram dificuldades em montar o circo do Mundial de GT1 em Interlagos, logo após a etapa da F-1.

Além disso, o traçado da China foi adicionado ao certame.

2011 FIA GT1 World Championship

26th March UAE Abu Dhabi

10th April Belgium Zolder

8th May Portugal Algarve

15th May* Germany* Sachsenring*

5th June Great Britain Silverstone

3rd July Spain Navarra

17th July France Paul Ricard

4th September China Ordos

23rd October Brazil Curitiba

6th November Argentina San Luis

*subject to ASN confirmation

2011 FIA GT3 European Championship

8th May Portugal Algarve

5th June Great Britain Silverstone

3rd July Spain Navarra

17th July France Paul Ricard

21st August Russia Smolensk

16th October Netherlands Zandvoort


Ao vivo : 17 festival brasileiro de Arrancada

Você que não pode estar no Autodromo Internacional de Curitiba acompanhando o 17 festival brasileiro de Arrancada veja atraves dos nossos amigos do Hotcampinas que transmitem a prova ao vivo confina no link: